31 de jul de 2014

12 linhas costeiras fantásticas ao redor do mundo

O domínio marítimo das linhas costeiras serve para compor uma vista espetacular para as grandes e pequenas cidades.

A zona costeira é formada por praias, orlas e fiordes, formação geológica onde o mar entra no meio das montanhas, que acaba por determinar o local como destino turístico e ponto predileto de fotógrafos e entusiastas.

Separamos abaixo 12 linhas costeiras imperdíveis para você conhecer. Dê uma olhada e escolha sua favorita:


1. Ilhas Lofoten, Noruega
Este arquipélago no litoral norte da Noruega traz, além de paisagens inspiradoras entre fiordes e montanhas, vista privilegiada de aurora boreal que acontece a partir do final de outubro.


Costeira9

2. Dubrovnik, Croácia
A cidade é um porto em expansão que, além de servir de cenário para a série Game of Thrones, se tornou popular por conta do litoral e dos monumentos antigos.


3. Pali Coast, Havaí
Localizado na ilha de Kauai, a costa de Pali é composta por penhascos íngremes que caem nas águas do Pacífico, além de montanhas verdes, cachoeiras e ondas impressionantes.



4. Cidade do Cabo, África do Sul
A Cidade do Cabo é cercada por diversos picos e montanhas impressionantes, como Table Mountain, cabeça do leão, Signal Hill e Pico do Diabo, com vista para uma bela bacia do outro lado da cidade.


Costeira3

5. Cinque Terre, Itália
Ao norte do Mediterrâneo, casinhas charmosas e coloridas formam pequenas aldeias que dominam o penhasco.



6. Big Sur, Califórnia, EUA
Intocada, a costa de Big Sur tem uma beleza natural que impressiona, formada também pelas montanhas Santa Lucia.


Costeira2

7. Algarve, Portugal
Penhascos de arenito são banhados por cristalinas águas azuis em Algarve, onde está a praia da cidade de Lagos e o Cabo de São Vicente, que já foi considerado como “o fim do mundo”.


Costeira4

8. Great Ocean Road, Austrália
Considerado como o maior memorial de guerra do mundo, a estrada percorre a costa sudeste da Austrália, onde a paisagem impressionante abriga florestas e a formação dos “Doze Apóstolos”, ponto turístico de destaque da região.


Costeira5

9. Penhascos de Moher, Irlanda
A Irlanda é cercada de paisagens verdes espetaculares, e as falésias acima da costa sudoeste não ficam atrás das belezas naturais, que já serviram de cenário em filmes como Harry Potter e o Enigma do Príncipe.


Costeira6

10. Fiordes da Patagônia, Chile
A Patagônia tem um visual deslumbrante, e parte dela está entre os fiordes na costa sul do Chile. fornecendo uma vista verdadeiramente incrível de picos e geleiras.


Costeira

11. Rio de Janeiro, Brasil
A cidade maravilhosa não tem esse nome à toa. Banhada pela Baía de Guanabara e lindas praias, ainda tem de quebra o Cristo Redentor e morros, como o do Vidigal, que tem uma vista espetacular para a cidade.


Costeira8

12. Ha Long Bay, Vietnã
Um destino popular no litoral nordeste do Vietnã, Ha Long Bay possui muitas plantas tropicais e animais, aldeias de pescadores flutuantes e formações únicas de calcário erodido, incluindo um grande número de pequenas ilhas e enormes cavernas.


Costeira7

Fotos: 4hours1000places, e-whizz, teckler, legacytrvl, iliketowastemytime, funplacescalifornia, Mario Guilherme Cesca (Via)

Fonte: Hypeness

30 de jul de 2014

Os melhores destinos de inverno no Brasil

Gosta de viajar e conhecer lugares frios? Montamos uma seleção de belas cidades brasileiras que você precisa conhecer no inverno. Prepare o casaco e vamos viajar, não temos neve, mas essas vistas são inesquecíveis.


1 - Conhecida como a terra dos Cânions (são 60 vales profundos), a pequena Cambará do Sul, a 200 quilômetros de Porto Alegre (RS), é um destino brasileiro capaz de tirar o fôlego. Uma das paisagens mais famosas e deslumbrantes da região fica no Parque Nacional de Aparados da Serra, onde se localiza o Cânion Itaimbezinho - a formação tem 6 quilômetros de extensão e cerca de 700 metros de profundidade.
Os passeios têm acesso fácil, e começam com caminhadas tranquilas monitoradas por guias.




2- Campos do Jordão (SP)

Localizada na Serra da Mantiqueira, no interior do estado de São Paulo, a cidade de Campos do Jordão é de longe um dos mais visitados destinos brasileiros no inverno. Com uma belíssima área serrana e forte gastronomia, o município uma ótima alternativa para quem pretende comer bem e se deparar com belas paisagens.


3- Gramado (RS)

Um dos municípios gaúchos mais visitados do sul do país, Gramado conta com uma programação turística especial para quem visita a cidade no inverno. Além da arquitetura inspirada no estilo alemão, pontos como o Lago Negro e o parque Mini Mundo são os grandes atrativos da cidade.


4- Petrópolis (RJ)

Com um clima ameno durante boa parte do ano, no inverno Petrópolis se transforma em um município aconchegante aos turistas. Fundada por Dom Pedro II em 1843, a cidade conta com vários pontos turísticos históricos, como a Casa da Ipiranga, o Palácio de Cristal e a casa de Santos Dumont.


5- Monte Verde (MG)

Situado a 1554 metros de altitude, o distrito mineiro mantém o clima ameno durante o ano todo. Bucólica, a região é cercada por áreas verdes, montes e estruturas rochosas, um prato cheio aos turistas que visitam a pequena cidade. Entre os principais pontos turísticos estão o Chapéu do Bispo e a Pedra Redonda, destinos mais do que indicados para quem pretende ter uma bela visão da região de Pouso Alegre.


6- Canela (RS)

Conhecida por atrações turísticas como o Parque da Ferradura, a Cascata do Caracol e a Catedral de Pedra, a cidade de Canela, no Rio Grande do Sul, une belas paisagens naturais e arquitetura urbana com forte influência germânica. Junto de Gramado e Bento Gonçalves é um dos destinos mais procurados e visitados do estado gaúcho.


7- Bento Gonçalves (RS)

Conhecida como a "Capital Brasileira do Vinho", a cidade de Bento Gonçalves se destaca pelos agradáveis passeios por vinícolas e outros pontos turísticos com foco no setor agrícola. Com uma temperatura que chega aos -6° no inverno, o município oferece uma gama de hotéis e hotelarias com clima caseiro e acolhedor. A forte presença de imigrantes italianos, germânicos e poloneses acabou influenciando em boa parte da arquitetura da região.


8- Cunha (SP)

Um dos poucos municípios paulistas considerados como estância climática, a cidade de Cunha no interior de São Paulo se destaca pelo toque caseiro e bucólico da região. Cercado por rios, cachoeiras e belas áreas esverdeadas, a cidade é perfeita para quem, além do clima fresco e acolhedor, busca por aventura e contato com a natureza.


9- São Joaquim (SC)

Com pouco mais de 20 mil habitantes, o município de São Joaquim em Santa Catarina é uma das melhores escolhas para quem quer ter a chance de se deparar com neve no Brasil. Situada a 1.353 metros de altitude e influenciada pelo clima serrano, todos os anos a cidade fica lotada de visitantes que esperam pela oportunidade de ver a cidade encoberta pela neve. A região ainda se destaca pela forte produção de vinhos e frutas, principalmente maçã.


10- Lavras Novas (MG)

Com um clima caloroso durante boa parte do ano, no inverno o distrito de Lavras Novas se transforma em um destino certo para quem pretende busca por um ambiente acolhedor. Com uma arquitetura rústica, o município oferece uma gama de opções turísticas.


11- Prudentópolis (PR)

Com mais de 100 quedas d'água registradas, a cidade Prudentópolis na região dos Campos Gerais, no Paraná conta com belíssimas paisagens e fortes atrativos para quem gosta de passeios ecológicos. Outra grande característica do município está relacionada com a forte influência da imigração polonesa, que acabou por definir parte da arquitetura do município e da região. No inverno, o clima frio é um estímulo para quem pretende provar da culinária local.


Qual o lugar que você mais gostou?

26 de jul de 2014

A primeira fotografia publicada na internet

A Motherboard foi a fundo para saber a origem da imagem e descobriu que as adoráveis senhoritas fazendo pose na foto eram parte de um grupo musical chamado Las Horribles Cernettes, uma banda de comédia do laboratório do CERN em Geneva formada por assistentes administrativas e esposas e namoradas de cientistas do CERN. A foto foi melhorada no primeiro Photoshop em um Mac colorido e salva como .gif antes de ser enviada por Tim Berners-Lee, um dos inventores da web e… crossdresser. Sim, aqui a coisa fica um pouco esquisita. Na Motherboard está a história completa (em inglês) de como uma foto aleatória levou 20 anos para ser reconhecida como a primeira publicada na web.

Esta é a primeira foto publicada na internet, feita em 1992 por um funcionário do CERN.

Ensaio emocionante mostra a realidade de uma pessoa com bulimia

Alguns dos sentimentos que tornam o ritual ainda mais cruel, são a angústia a culpa e a vontade.. Jo é uma mulher de 21 anos que sofre de bulimia. Ela não quer ser super magra: seu objetivo é manter o peso mesmo com todos os alimentos gordurosos e doces que ingere diariamente. Seu dia a dia foi fotografado através da sensível lente da fotógrafa Laia Abril, no projeto A Bad Day.

Deixando de lado estereótipos e preconceitos, Laia Abril usou ângulos intrigantes para retratar o cotidiano de Jo. São fotos de embalagens de alimentos e detalhes de seu apartamento que revelam a ansiedade e o terror da bulimia. O desejo, o medo e o arrependimento podem ser percebidos nas cores, na iluminação e até mesmo nos eventuais desfoques.
Veja as imagens do projeto:












Todas as fotos © Laia Abril

Fonte: Hypeness

23 de jul de 2014

Fotógrafo sobe ao topo de montanhas para registrar imagens espetáculares

A sensação de estar no topo do mundo é vivida constantemente pelo fotógrafo Max Rive. Audacioso, ele escala os picos mais altos, mesmo em baixas temperaturas, para captar de forma privilegiada o que poucos veem. A rotina do jovem viciado em adrenalina envolve vistas de tirar o fôlego, como o sol nascendo em meio às montanhas, rios cintilantes, céu estrelado, arco-íris e muitas nuvens. Vejam as fotos:

  


  











Todas as fotos © Max Rive.

Postagens Relacionadas

Related Posts Plugin for WordPress, Blogger...